sábado, 28 de fevereiro de 2009

26ª Rodada - Lyon x Rennes


O Lyon, atual líder do Campeonato Francês, recebe domingo o Rennes, sétimo, em um jogo de encerramento da 26ª rodada que vai mostrar se os companheiros de Juninho Pernambucano se recuperaram fisicamente após o desgastante empate em 1-1 concedido ao Barcelona terça-feira nas oitavas-de-final da Liga dos Campeões.


O Lyon, que dominou o Barcelona durante quase uma hora terça-feira em Gerland antes do gol de cabeça de Thierry Henry, vai ter que superar o cansaço e a decepção para faturar os três pontos domingo contra o Rennes e consolidar sua liderança no Campeonato Francês. Juninho, autor de um golaço de falta contra o Barça, e o artilheiro Karim Benzema seguem sendo as principais armas do Lyon, mas outro jogador também se destacou no choque de terça-feira em Gerland: o goleiro Hugo Lloris, que vem dando conta da dura tarefa de substituir Grégory Coupet. O Rennes, por sua vez, conta com o fator psicológico para sair de Gerland com a vitória: no primeiro turno, o time bretão atropelou o Lyon por 3-0.


O Paris Saint-Germain, vice-líder, que garantiu quinta-feira sua classificação às oitavas-de-final da Copa da UEFA ao derrotar o Wolfsburg por 3-1 na Alemanha, está de vento em popa. Também no domingo, o clube da capital recebe o Nancy, 11º, em seu mítico estádio do Parc des Princes.


O Bordeaux, quinto colocado que não vence há quatro jogos, precisa reagir domingo contra o Lorient (9º). O clube do sudoeste da França está com a confiança em baixa depois da traumática eliminação da Copa da Uefa pelos turcos do Galatasaray, e ainda perdeu o volante brasileiro Fernando, que pegou uma suspensão de quatro jogos. A solução pode vir do apoiador Yoann Gourcuff, poupado contra o Galatasaray mas que estará de volta domingo para enfrentar a equipe treinada por seu pai, Christian Gourcuff.


FONTE: AFP
ARTE: BrasiLyonnais

Fred é jogador do Flu por cinco anos

Atacante assina pré-contrato e aguarda a homologação do fim do vínculo com o Lyon para poder ser anunciado e apresentado oficialmente


O atacante Fred, do Lyon, assinou nesta sexta-feira um pré-contrato com o Fluminense. Segundo o coordenador de futebol tricolor, Alexandre Faria, o jogador vai defender o clube por cinco temporadas. Para assinar o vínculo definitivo o atleta ainda aguarda a homologação da sua rescisão com o clube francês na Federação Francesa de Futebol, o que deve acontecer na próxima terça-feira. Ele poderá ser apresentado neste mesmo dia.


- Fred é jogador do Fluminense por cinco anos. Este pré-contrato é apenas uma ferramenta jurídica que tem que constar na negociação. Assim que for homologada a rescisão com o Lyon, faremos o anúncio oficial e marcaremos a apresentação - disse Alexandre Faria.


Fred chegou ao Lyon em agosto de 2005. Fez um a boa primeira temporada, com 20 gols em 49 jogos e esteve no grupo da Seleção Brasileira na Copa de 2006. Nos anos seguintes, foi perdendo espaço no time. Na atual temporada, disputou 11 jogos e fez quatro gols.


O atacante atualmente estava treinando com o time sub-18 do Lyon, uma vez que nem ele nem o clube tinham mais interesse num acordo.


FONTE: Globoesporte.com

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Fred assina rescisão com o Lyon

Clube francês divulga comunicado oficial dizendo que ele está livre para assinar com um clube brasileiro


O Lyon divulgou na tarde desta quinta-feira que rescindiu o contrato de Fred. Segundo o site oficial do clube francês, o atacante está livre para assinar contrato com um clube brasileiro.


A rescisão abre caminho para Fred finalmente acertar seu contrato com o Fluminense. No início do mês, Alexandre Faria, coordenador de futebol tricolor, esteve na França para tentar acertar a contratação do atacante. Depois de quase uma semana em Lyon, voltou dizendo que faltavam apenas pequenos detalhes contratuais para poder anunciar a contratação.


Fred chegou ao Lyon em agosto de 2005. Fez uma boa primeira temporada, com 20 gols em 49 jogos e esteve no grupo da Seleção Brasileira na Copa de 2006. Nos anos seguintes, foi perdendo espaço no time. Na atual temporada, disputou 11 jogos e fez quatro gols.


FONTE: Globoesporte.com

Juninho Pernambucano atinge marca histórica no Lyon

Gol sobre o Barcelona torna brasileiro o maior artilheiro da equipe na Liga dos Campeões

O meia brasileiro Juninho Pernambucano, do Lyon, atingiu uma marca histórica no clube. O gol sobre o Barcelona, na rodada de ida das oitavas-de-final da Liga dos Campeões, tornou o camisa 8 no maior goleador da história do clube na competição. Foi 17ª vez que o ex-jogador do Vasco balançou as redes no torneio. A partida terminou empata em 1 a 1. As informações são da agência de notícias "Ansa".

O gol marcado contra o time catalão foi também o 43º de falta de Juninho pelo Lyon, onde joga desde 2001. Em todas as vezes que os 43 gols dessa forma foram marcados, o time francês obteve pelo menos um empate na partida.

O brasileiro já tem 97 gols anotados em sua carreira no heptacampeão francês. No campeonato nacional, o Lyon lidera com 52 pontos em 25 partidas. Na próxima quarta-feira, o time enfrenta o Barcelona pela volta da Liga dos Campeões e precisa de uma vitória para se classificar para a próxima fase da competição.


FONTE: Globoesporte.com

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

"Rei" Juninho brilha novamente no Gerland...

Filipe Frossard Papini

... Mas Lyon não sai do empate de 1x1, marcado pela raça e vontade dos dois times.


UEFA Champions Legue recomeçou. Primeira rodada do ano de 2009. Terça-feira com 4 jogos: Arsenal 1x0 Roma; Internazionale 0x0 Manchester United; Atlético de Madrid 2x2 Porto; e claro, Lyon 1x1 Barcelona.

Puel optou por três novidades que diferenciam das partidas da Ligue1: Mensah jogando improvisado na lateral direita, deixando o jovem Gassama no banco; Keita entrando de titular no lugar de Delgado; e Källström novamente no banco.

O Barcelona sempre aposta na sua velocidade, principalmente do lado direito, com Messi e Dani Alves e Xavi encostando. Como favorito, mesmo jogando fora de casa, o time espanhol tentou fazer pressão logo no início, na base do "abafa", mas quem abriu o placar mesmo foi o Lyon. Em uma cobrança de falta genial, o "Reizinho" colocou a bola no ângulo do goleiro Valdés, logo aos 6' de partida.

Impressionando todos os espectadores, o Lyon logo em seguida do gol, quase marca mais um, mas o chute de Benzema passou rente à trave esquerda de Valdés.

Contudo, o Barcelona provou que não estava na França para brincar, e aos 14' o francês Henry chutou a bola na trave de Lloris, deixando todos os presentes aflitos em Gerland.

Algum tempo depois, o OL não deixou barato, e Benzema, de fora da área também deixou sua marca na trave, porém do outro lado do campo.

A partida, de fato, foi disputada no meio-campo. Toulalan e Grosso não demoraram muito tempo para receber um cartão amarelo cada e diversas advertências do juiz. Notava-se que Puel colocara uma marcação especial em Messi, motivo pelo qual, o jogo foi intensamente nervoso neste primeiro tempo.


Na etapa complementar os times voltaram com a mesma formação. No entanto a pegada foi diferente, ambos os times colocaram o pé no freio e o que prevaleceu foram os erros de passe.

Lyon já não era 100% pressão igual ao primeiro tempo e jogava com passes curtos, buscando brechas no setor defensivo do Barça.

Com 63' de partida, ocorre a primeira mudança no jogo. Puel retirou Éderson, que estava visivelmente nervoso e colocou César Delgado, que vem em ascendência no time gaulês. Mas parece que a substituição não deu muito certo, e menos de cinco minutos depois, Henry aproveitando cruzamento de Rafa Marquez, deixando tudo igual no Gerland.

Logo após o gol, o Barcelona tomou as rédeas da partida, e começou a dominar o gramado. A passe de bola e o controle do jogo era dos espanhóis. Restou apenas o Lyon jogar na base do contra-golpe.

Consciente do domínio de sua equipe, Pep Guardiola resolveu reforçar a marcação, e lançou Seydou Keita no lugar de Sergio Busquets. Logo em seguida, Claude Puel retira o cansado Juninho e coloca o sueco Källström. E mais tarde quem adentrou o gramado foi Miralem Pjanić para a saída de Kader Keita.

Porém de nada adiantou as substituições, o jogo continuou concentrado no meio-campo e quase nenhuma oportunidade foi criada para ambos os times.

Final de partida: Um tento para cada equipe. Para conseguir a vaga para as quartas-de-finais, o OL precisa ganhar, ou então empatar a partida com mais de um gol para cada lado. Próximo encontro da Champions League é dia 11 de Março.

Veja os gols abaixo:

Juninho de falta (1x0):


http://videos.sapo.pt/3gKMDhccZuGbNcVsJqTO

Henry de cabeça (1x1):


http://videos.sapo.pt/rQ3E9ZJF4pSlSmwecQ8J

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

[UCL] Lyon x Barcelona


O Barcelona se prepara para ir à França encarar o Lyon, nesta terça-feira, pela ida das oitavas-de-final da Copa dos Campeões. O time vem de derrota no clássico catalão contra o Espanyol, no último fim de semana, mas mantém uma confortável vantagem de sete pontos em relação ao Real Madrid na liderança do Campeonato Espanhol.

Mesmo atuando fora de casa, os catalães contam com o poder de fogo do trio Eto'o, Messi, Henry para vencer. Juntos, os três marcaram 51 gols no torneio nacional. Os desfalques ficam por conta dos lesionados Abidal e Iniesta.

O lateral-direito Daniel Alves, por sua vez, admitiu o favoritismo catalão, mas quer cuidados com o adversário, principalmente com Juninho Pernambucano.

"Estamos tranqüilos. Sabemos do nosso potencial. Acho até normal este comentário, pelo que o Barcelona tem apresentado nesta temporada. Mas vamos ter calma, e encarar com a maior naturalidade possível. É um adversário bastante difícil. Tem jogadores de muita qualidade e o Juninho é o melhor deles. Juninho é um ídolo em Lyon por sua trajetória", afirmou.

Apesar do panorama contrário, a esperança segue viva para os franceses, principalmente nos pés de Juninho e Benzema. Na opinião do zagueiro Boumsong, a única forma de neutralizar o adversário é fazer uso de um bom jogo coletivo.

"No confronto direto entre os jogadores, é impossível ganhar do Barcelona, pois o talento deles vai fazer diferença. É preciso compensar e trabalhar em equipe. Se um jogador perde o duelo, precisa ter outro logo atrás para ajudar", disse.

DUELO DE ARTILHEIROS:

Messi x Benzema


Karim Benzema, Lionel Messi, Miroslav Klose e Steven Gerrard, os quatro jogadores que lutam pelo título de artilheiro da UEFA Champions League, vão estar todos em ação nos oitavas-de-final, já esta semana, com o objetivo de se tornarem o maior goleador desta temporada.



Frente-a-frente
No entanto, um dos elementos deste quarteto, todos com cinco golos cada, vai ser eliminado nesta fase, já que o Barcelona enfrenta o Olympique Lyonnais, colocando Messi e Benzema frente-a-frente. Os dois jogadores estão a atravessar um bom momento de forma nos respectivos campeonatos, com Messi a faturar 16 golos pelo Barcelona, que lidera isolado a La Liga, enquanto Benzema já registou 11 golos, com o Lyon a aproximar-se da conquista de mais um título da Ligue 1.


CURIOSIDADES SOBRE O ENCONTRO:

• Os treinadores do FC Barcelona e do Olympique Lyonnais defrontaram-se como jogadores na temporada 1993/94 e foi Guardiola, na altura elemento do meio-campo da equipa catalã, que saiu vencedor do encontro ante a equipa do AS Monaco FC, na qual jogava Puel, ganhando em casa (2-0) e fora (1-0) na fase de grupos da competição.


• O Barcelona chegaria à final nessa época e, passados 15 anos, a perspectiva de voltar a consegui-lo é de novo bastante forte, em função da veia goleadora mostrada no Grupo C, que terminou com uma média de três golos por encontro.


• Na fase de grupos, o Barça, que já foi duas vezes campeão europeu, ganhou os três jogos fora, pelo que viajará para Lyon, onde se realizará a primeira mão dos oitavos-de-final, com enorme confiança.


• O Lyon, campeão francês, procura passar as quartos-de-final pela primeira vez em três anos, depois de ter sido eliminado nesta fase da prova em 2007 e 2008. A equipa de Puel ficou em segundo lugar no Grupo F, com três vitórias, dois empates e uma derrota. Esse desaire ocorreu na última jornada, quando o Lyon recebeu o FC Bayern München e perdeu por 3-2.


• O Lyon não conseguiu vencer o Barcelona nos últimos quatro jogos disputados entre as duas equipas.


• Os clubes defrontaram-se pela primeira vez na fase de grupos da edição de 2001/02, tendo os espanhóis vencido ambos os jogos. Gols de Patrick Kluivert (78 minutos) e Rivaldo (87, de pênalti) garantiram o triunfo em casa ao Barcelona, por 2-0, a 10 de Outubro de 2001. Treze dias depois, o jogo disputado no Stade Gerland seria bem mais emocionante.


• A perder por 2-0, devido aos gols de Kluivert (9 minutos) e Rivaldo (18), o Lyon continuou a lutar e conseguiu chegar ao empate com tentos de Péguy Luyindula (66) e Eric Carrière (88), mas o Barça chegou à vitória aos 94 minutos, por intermédio de Gerard López. Esse gol garantiu a classificação dos catalães para a fase seguinte e selou a eliminação do Lyon. Sidney Govou e Juninho Pernambucano alinharam pela equipa gaulesa nessa partida, enquanto Xavi Hernández e Carles Puyol jogaram pelo Barcelona.


• A fase de grupos da época passada voltou a juntar os dois clubes. A 19 de Setembro de 2007, o Barcelona ganhou no Camp Nou por 3-0, com um gol contra de François Clerc (21 minutos) a abrir a contagem. Lionel Messi (82) e Thierry Henry (91) marcaram na segunda parte.


• O Lyon conseguiu depois um ponto em casa a 27 de Novembro. A equipa francesa esteve duas vezes a perder, devido aos gols de Iniesta (3 minutos) e Messi (58, de pênalti), mas foi sempre capaz de chegar à igualdade, sempre por Juninho, primeiro na transformação de uma falta direta aos sete minutos e depois num pênalti a dez minutos do fim, que estabeleceu a igualdade final (2-2).


• As duas equipas alinharam do seguinte modo no Stade Gerland:
Lyon: Rémy Vercoutre, Anthony Réveillère, Sébastien Squillaci, Anderson, Fabio Grosso, Fábio Santos (Kim Källström), Jérémy Toulalan, Juninho Pernambucano, Sidney Govou, Fred (Kader Keita), Hatem Ben Arfa (Loïc Remy).
Barcelona: Victor Valdés, Gianluca Zambrotta (Rafael Márquez), Carles Puyol, Gabriel Milito, Eric Abidal, Xavi Hernández, Yaya Touré, Eidur Gudjohnsen (Ronaldinho), Lionel Messi, Bojan Krkić, Andrés Iniesta.


• O registo em casa do Lyon diante de equipas espanholas é de seis jogos, três vitórias, um empate e duas derrotas. Ganhou a única eliminatória que disputou ante um clube do outro lado dos Pirenéus, derrotando a Real Sociedad de Fútbol, com 2-0 nas duas mãos, nas oitavas-de-final da UEFA Champions League de 2003/04.


• O Barcelona possui um registo positivo em França – três vitórias, um empate e duas derrotas –, mas nunca ganhou de uma equipe francesa numa eliminatória, tendo perdido contra o OGC Nice, o FC Metz e o Paris Saint-Germain FC.


• Desde que perdeu por 2-1 frente ao PSG nos quartos-de-final da UEFA Champions League de 1994/95, o Barcelona somou cinco jogos sem derrotas diante de equipas francesas, incluindo um triunfo por 1-0 sobre os parisienses na final da Taça dos Vencedores das Taças de 1996/97.


• Guardiola participou nessa final e guarda boas recordações dos jogos contra equipas francesas, ao contrário do que acontece com Puel nos embates ante espanhóis, e não apenas nos já citados jogos contra o Barcelona ao serviço do Mónaco.


• Puel estreou-se nas provas da UEFA com uma derrota por 5-3 no conjunto das duas mãos na primeira eliminatória da Taça das Taças de 1980/81, diante do Valência CF. Nove anos depois, fez parte da equipa monegasca que derrotou o Valladolid CF nos pênaltis, depois do 0-0 registado no conjunto das duas mãos das quartas-de-final da mesma competição.


• Enquanto treinador, Puel viu a sua equipa do Mónaco perder por 4-2 contra o RCD Mallorca no conjunto das duas mãos da quarta eliminatória da Taça UEFA de 1999/00. No comando do LOSC Lille Métropole, derrotou o Sevilla FC, por 1-0, na fase de grupos da Taça UEFA de 2004/05, mas no ano seguinte perdeu as esperanças de seguir em frente na UEFA Champions League ao perder com o Villarreal CF na última jornada da fase de grupos. O Lille passou depois para a Taça UEFA, mas foi afastado nos 16 avos-de-final pelo Sevilla, perdendo por 2-1 no conjunto das duas mãos.


• Puel trabalhou com Thierry Henry e Rafael Márquez, ambos do Barcelona, durante o tempo em que treinou o Mónaco e mais tarde com Eric Abidal quando este estava no Lille.


• O plantel do Barcelona inclui dois outros jogadores que já estiveram no campeonato francês: Seydou Keita (Olympique de Marseille, FC Lorient, RC Lens) e Yaya Touré (Mónaco).


• Sonny Anderson, que foi avançado do Barcelona e do Lyon, é hoje embaixador e olheiro dos campeões franceses.


• A segunda mão realiza-se a 11 de Março, no Camp Nou.


OS CONVOCADOS POR CLAUDE PUEL:

GOLEIROS: Hugo LLORIS e Rémy VERCOUNTRE
LATERAIS: Lamine GASSAMA e Fábio GROSSO
ZAGUEIROS: John MENSAH, CRIS e Jean-Alain BOUMSONG
VOLANTES: Jérémy TOULALAN e Jean II MAKOUN
MEIAS
: Kim KÄLLSTRÖM, JUNINHO Pernambucano, Miralem PJANIĆ e ÉDERSON Honorato
ATACANTES: Anthony MOUNIER, César DELGADO, Karim BENZEMA, Abdul Kader KEITA e Frédéric PIQUIONNE


OS CONVOCADOS POR PEP GUARDIOLA:

GOLEIROS: Victor VALDÉS e José Manuel PINTO
LATERAIS: SYLVINHO, Daniel ALVES,
ZAGUEIROS: Carles PUYOL, Rafa MÁRQUEZ, José Martín CÁCERES e Gerard PIQUÉ,
VOLANTES: Touré YAYA e Seydou KEITA
MEIAS: Sergi BUSQUETS Burgos, XAVI Hernandes, Alyaksandar Pawlavich HLEB e VICTOR Sánchez
ATACANTES: BOJAN Krkić, Lionel MESSI, Thierry HENRY, Samuel ETO'O e Eidur GUDJOHNSEN


FONTES: Terra, Olweb, FCBarcelona.cat e UEFA.pt
ARTE: BrasiLyonnais

Juninho Pernambucano estreia estádio com seu nome

Heptacampeão francês pelo Olympique de Lyon, além de ser um dos maiores ídolos da história do clube, o meia Juninho Pernambucano terá estádio com seu nome na França. Nesta segunda-feira, o Conselho Municipal de Lyon decidiu batizar uma nova arena com o nome do jogador, no terceiro distrito da cidade.

Além de Juninho Pernambucano, mais dois estádios de Lyon foram batizados com nomes de jogadores de futebol. Outro homenageado foi o goleiro Grégory Coupet, o qual defendeu o clube e a Seleção Francesa. Já Marc-Vivien Foé, ex-atleta da Seleção de Camarões e que faleceu em campo, também tem o nome de um estádio na região.

Na França, outros atletas já emprestaram nomes para estádios de futebol, como o meia Ludovic Giuly, além de Bernard Lacombe e Florian Maurice.

FONTE: Fanáticos Por Futebol

Lyon estuda a possibilidade de processar Fred após 'sumiço'

Presidente do clube francês avisa que jogador não apareceu para assinar a rescisão do seu contrato


A novela envolvendo a ida de Fred para o Fluminense, continua dando o que falar tanto no Brasil quanto na França. O presidente do Lyon, Jean-Michel Aulas, afirmou nesta segunda-feira que o seu clube estuda a possibilidade de processar o jogador, que viajou ao Brasil para passar o carnaval e não apareceu para assinar a rescisão contratual.

- Estivemos esperando por ele no sábado passado para firmar sua rescisão de contrato. Ele não veio. É uma ofensa - afirmou o dirigente ao jornal francês "Le Progés".

Fred chegou ao Brasil no fim de semana passado. Ele tem retorno programado para a próxima terça-feira. O atacante está liberado pelo Lyon para negociar com clubes um novo compromisso. Vinha treinando com o time de reservas enquanto não resolvia a situação.

- Gostaria muito de que as coisas não fossem assim. O custo para o Lyon é de 35 milhões de euros (cerca de R$ 106 milhões). Não podemos, pela economia do futebol e a natureza humana, ficar sem fazer nada - explicou Aulas.


FONTE: Globoesporte.com

Campanha “Paz nos Estádios”



Casa do Torcedor e Terreiro do Galo lançam a Campanha “Paz nos Estádios - Blogueiros unidos em busca de Justiça”


Um atleticano baleado em um ponto de ônibus em Belo Horizonte. Mais de 40 corintianos feridos em um confronto com a Polícia Militar no Morumbi. Brigas e tiroteio entre flamenguistas, botafoguenses e policiais nas proximidades do Maracanã. E outras confusões em estádios de futebol por todo o país.


Esse foi o saldo de um domingo que não pode ser esquecido na história do futebol brasileiro. Apesar de terem chocado todos nós, esses acontecimentos são, infelizmente, comuns.


Quando o jovem Márcio Gasparim, de 16 anos, foi morto a pauladas em uma verdadeira batalha campal no Pacaembu em 1995, já esperávamos que fossem tomadas atitudes que diminuíssem a violência nos estádios. Não foram.


As confusões em estádios ou fora deles não cessaram. E a cada uma, fazemos uma pergunta que explica por que elas acontecem: Por que ninguém é punido? Nem torcedores vândalos, nem policiais truculentos e, muito menos, cartolas que incitam a violência inflamando as torcidas, são punidos.


A experiência do passado nos torna céticos quanto às atitudes que as autoridades devem tomar. Mas isso não deve impedir nossa mobilização em busca da paz nos estádios.


A Casa do Torcedor e o blog Terreiro do Galo, então, acabam de lançar a Campanha “Paz nos Estádios – Blogueiros Unidos em Busca de Justiça”. Queremos com ela unir blogs, jornalistas e demais pessoas que têm o mesmo ideal.


Nosso objetivo é pressionar as autoridades a aprovarem uma legislação específica que previna e puna a violência nos estádios e seus arredores. Uma lei que puna com rigor os responsáveis por atos de violência no futebol, sejam eles torcedores, policiais ou até dirigentes que incitem a barbárie.


Temos certeza que um dispositivo legal construído a partir da ampla discussão entre todas as pessoas que estejam ligadas de alguma maneira ao futebol é a melhor maneira de diminuir a violência no esporte e, assim, devolver ao torcedor a certeza de voltar são e salvo para casa após o simples ato de ver seu time jogar.


Faça parte dessa campanha! Clique na imagem e capture o banner. Pedimos a todos que aderirem a essa mobilização que enviem um e-mail para paznosestadios@gmail.com, dando-nos o nome e link para o seu blog. Quanto mais blogueiros se unirem nesta nobre causa, mais força teremos para exigir uma resposta dos responsáveis pela segurança do torcedor brasileiro. Ainda, a utilização deste texto para apresentar o projeto aos seus leitores poderá ser uma ótima estratégia para melhor informá-los da campanha.


Faça parte dessa grande corrente, independentemente das cores que seu clube veste. Contamos com a participação de todos os blogueiros apaixonados pelo futebol e, principalmente, apaixonados pela vida.


Atenciosamente,


Arnaldo Gonçalves – Casa do Torcedor
Christian Munaier – Terreiro do Galo
Arte: FredKONG

domingo, 22 de fevereiro de 2009

1ª Enquete "BrasiLyonnais" - Resultado:

Filipe Frossard Papini

A pergunta era simples:

"O Lyon tem condições de ganhar esta Champions League?" (08/09)

Veja abaixo o resultado:


Bem, parece que a torcida está confiante, mas tem algum certo receio, haja vista que, de fato o time do Lyon precisa sim, de alguns ajustes, principalmente no setor defensivo.

Houve seis votos na opção: "Talvez, depende muito da sorte e do sorteio". Provavelmente aqueles que votaram nesta opção, votaram antes de saber que o adversário seria o Barcelona, considerado por muitos, como uma das maiores (se não for a maior) potência da competição.

A primeira rodada da fase de mata-mata da Champions League ocorrerá esta semana. E em breve poderemos saber o que de fato irá acontecer.

E você já pode votar na próxima enquete: "Atualmente, o Lyon depende mais de Juninho, Benzema ou Éderson?". Escolha sua opção e vote agora.

sábado, 21 de fevereiro de 2009

Oito jogos de invecibilidade

Filipe Frossard Papini

Mesmo poupando cinco titulares. O Lyon, fora de casa conseguiu a vitória por 2xo contra o Nancy.


Desta vez, o Lyon viajou até o nordeste da França para enfrentar o Nancy, jogo válido pela 25ª rodada da Ligue 1. De olho na próxima rodada da Liga dos Campeões os heptacampeões entraram com o time misto. Jogadores importantes como Benzema, Juninho, Grosso e Éderson inciaram o jogo no banco de reservas.

Parece que Claude Puel - assim como todos os recentes ex-treinadores do OL - já aderiu o 4-3-3 como a tática oficial da equipe. Isso deve-se ao excelente poderio ofensivo do time e também pela grande força e tranquilidade que os volantes passam durante o jogo.

Nesta partida em especial, o Lyon jogou com Lloris no gol, Boumsoung e Cris formando a dupla de zaga - o brasileiro desta vez honrando a faixa de capitão do clube. Na direita, novamente o jovem Gassama recebe sua oportunidade. Na esquerda, Kallstrom faz a função defensiva, jogando improvisado. Os volantes foram preservados e ninguém foi poupado: Toulalan e Makoun. Delgado foi o responsável por substituir Juninho e jogou na armação. Puel apostou na juventude e na velocidade para formar sua dupla de "wingers", na direita, a prata-da-casa, Mounier e na direita o Luxemburguês Pjanic ficou com a vaga. Para receber as bolas na área, o inconstante Piquionne.

A partida iniciou-se com alguma pressão dos donos da casa. Notava-se uma pequena falta de entrosamento dos visitantes e até algumas trapalhadas da zaga, mas nada que assustasse Hugo Lloris. Gunnarsson e Hadji eram os jogadores que mais causavam temor na defesa dos gones. Porém com alguns minutos em campo, o OL se ajeitou e conseguiu esboçar uma boa reação e enfim, chegou a pressionar.

Com 18' de partida, após cruzamento na área, o zagueiro brasileiro e capitão do Lyon abriu o placar no Marcel Picot. Cris de cabeça coloca os líderes da competição na frente do marcador.

No fim do primeiro tempo, o ASNL voltou a pressionar. Principalmente do lado esquerdo da defesa dos visitantes, justamente aonde Kallstrom jogava improvisado. Mas devido a falta de velocidade e categoria do ataque, o Nancy não conseguiu chegar ao gol.

Segunda etapa do jogo, ambos os times voltaram do intervalo com mais disposição e logo aos 51', contra-ataque do Nancy e Gassama derrubou Brison dentro da área. Fredy Frautel nem titubeou e marcou a penalidade. Hadji foi para a cobrança, mas Hugo Lloris defendeu, saltando para o seu canto esquerdo. No rebote, houve um bate-rebate na área e Lloris novamente sossega os torcedores do OL.

O pênalti perdido não acalmou a pressão do ASNL. Foi justamente o contrário. O Nancy continuou pressionando, mesmo com a entrada dos titulares do Lyon em campo: Juninho, Éderson e Benzema. E a estrela de Lloris brilhando a todo momento.

Faltando dez minutos para o término da partida o gás do time da casa acabou. Começaram então as jogadas de passes longos e "chutões" pra frente. Éderson tentou aplicar velocidade na ponta direita e Mounier, meio que embananado, buscava alguma brecha do outro lado do campo. Mas quem mudou o placar, foi o artilheiro Benzema. Makoun descobriu o jovem francês deslocado e com um contra-ataque fulminante, deslocou o goleiro Brascigliano. Sem moral, e também sem fôlego, o Nancy nada pôde fazer para reagir.

O Lyon conquista a sua 8ª vitória consecutiva e abre até então, seis pontos de vantagem, mas dependendo do resultado do PSG e também do Marseille. Próxima partida é da Liga dos Campeões, aonde encontra-se com o Barcelona no estádio de Gerland.

25ª Rodada - Nancy x Lyon

Equipe do brasileiro Ederson enfrenta o Nancy, fora de casa.


De olho na partida da próxima terça-feira, contra o Barcelona, pelas oitavas-de-final da Liga dos Campeões, o Lyon defende a liderança do Campeonato Francês, neste sábado, contra o Nancy. A partida, válida pela 25ª rodada, acontece na região da Lorena, longe dos domínios do líder. O Nancy é o décimo colocado, com 29 pontos.

Nos últimos três confrontos entre as equipes, o Lyon venceu duas e empatou uma. O brasileiro Ederson, dono da camisa 7, espera um bom jogo.


- Vai ser um jogo duro, pois algumas das principais equipes que lutam pelo título tiveram dificuldades no estádio Marcel-Picot. O PSG empatou (1x1) e o Bordeaux perdeu (1x0). O nosso bom momento nos deixa animados para uma grande partida, mas essa boa fase só é possível porque sempre entramos muito concentrados em todos os jogos. Sábado não será diferente e ficaremos ligados os 90 minutos – disse, por intermédio da sua assessoria de imprensa.


Outra boa partida será entre o segundo colocado, o Paris Saint-Germain e o Grenoble. Jogando fora de casa, o PSG, que tem 45 pontos, quer vencer para diminuir a diferença para o líder Lyon para apenas um ponto. O time da casa é o 14º na tabela de classificação, com 27 pontos.


O Olympique de Marselha, terceiro colocado, enfrenta o Lê Mans, 15º, no domingo.


FONTE: Globoesporte.com
FOTO: BrasiLyonnais


OBS: O jogo será transmitido ao vivo pelo canal fechado, SporTV2

Presidente do Lyon afirma que está disposto a negociar Benzema

Benzema não deve mesmo ficar no Lyon no meio do ano, quando termina a temporada europeia. De acordo com o presidente Jean-Michel Aulas, o clube francês tem propostas de grandes clubes do cenário mundial e está disposto a sentar e negociar a venda do atacante, mas apenas se for por uma boa quantia.


"Há oportunidades que não aparecem duas vezes e que você tem que negociar. Se existem potenciais compradores para você se desfazer de um jogador, pode-se libera-lo tendo-se sempre em conta o benefício econômico pela transação", afirmou Aulas ao programa esportivo francês Le 10 Sport.


Com os principais clubes europeus interessados no futebol do atacante, o leilão pelo jogador começou e só se definirá o novo time de Benzema no meio do ano. Além dos tradicionais, uma equipe não revelada também entrou em contato pelo francês.


"O Real Madrid está interessado em contratar ele, assim como o Barcelona e o Manchester United. Também recebemos uma oferta muito interessante de um clube inglês em janeiro, mas dissemos que Benzema ficaria no Lyon por enquanto", revelou o presidente, se referindo, segundo a imprensa inglesa, ao Manchester City de Robinho.

Benzema aguarda desempenho do Lyon na Liga para decidir seu futuro

O atacante francês Karim Benzema decidirá se deixa o Lyon ou não após o confronto entre o clube e o Barcelona, pelas oitavas-de-final da Liga dos Campeões.

"Minha saída não é um assunto da atualidade. Estou em um grande clube e verei o que acontece depois dos dois jogos contra o Barcelona", comentou o jogador em entrevista publicada hoje pelo jornal regional "Le Progrès".


O atacante garantiu estar muito feliz no Lyon, mas não descartou uma transferência a algum grande clube europeu como o próprio Barça, Real Madrid, Inter de Milão ou Milan.


"O ideal seria ganhar a Liga dos Campeões com o Lyon. Não falo sobre minha saída, mas se isso acontecer levarei em conta o projeto dos clubes", disse.


O Lyon recebe o Barça na próxima terça no estádio Gerland, e o jogo de volta está marcado para o dia 11 de março no Camp Nou.


FONTE: Abril

Lyon 'emperra' ida de Fred para o Flu

Apesar de o jogador e o Tricolor carioca terem chegado a acordo, clube francês revela nesta sexta-feira que a negociação está em 'ponto morto'

A novela envolvendo Fred e o Fluminense ainda não chegou ao fim. Se a única certeza, para o jogador e o Lyon, é a de que ele não atua mais no clube francês, este anunciou nesta sexta-feira que a sua ida para o Tricolor das Laranjeiras está paralisada. O atacante e os dirigentes cariocas já chegaram a um acordo - Fred receberia R$ 350 mil mensais e assinaria um contrato de cinco anos, mas com uma cláusula que o liberaria se surgisse uma proposta do exterior - mas os franceses avisaram: a transferência está "em ponto morto".

Fred ainda não assinou a rescisão com o Lyon, heptacampeão nacional e atual líder do Campeonato Francês, e não consegue resolver o conflito que envolve a sua saída. Em janeiro o clube o liberou para se transferir, mas sem o pagamento de qualquer indenização. Os franceces pagaram 15 milhões de euros em agosto de 2005 para tirá-lo do Cruzeiro, e o contrato vence no próximo dia 30 de junho.


O jogador, que está treinando com os reservas ou até mesmo com a equipe sub-18 do Lyon, há dez dias já tem tudo acertado com o Fluminense, mas ambas as partes têm de resolver o imbróglio com o clube francês até 8 de abril, quando fecha o mercado de contratações no Brasil. No último fim de semana, Fred chegou a declarar que estava tudo resolvido e que viajaria para o Rio de Janeiro para acertar com o Tricolor. Problemas no contrato com o Fluminense e o acordo ainda vigente com o Lyon, além da indenização pela rescisão, foram alguns dos empecilhos recentes que deram à novela mais alguns capítulos.


FONTE: Globoesporte.com

Lyon fecha primeira metade da temporada no vermelho

O Lyon fechou o primeiro semestre da temporada 2008/09 no vermelho. De acordo com o balanço publicado pelo clube nesta quinta-feira, o OL apresentou perdas de € 2,4 milhões no primeiro semestre do exercício financeiro.


Segundo o levantamento, o Lyon registrou um valor de negócios da ordem de € 100,4 milhões – baixa de 19,4% em relação ao mesmo período da temporada anterior (€ 124,6 milhões).


“Por que as ações de clubes de futebol não baixariam, já que 300 valores caíram 40% durante esta crise? Nosso resultado líquido é deficitário pela primeira vez, mas nossa política continua coerente”, disse Jean-Michel Aulas, presidente do OL.


FONTE: Trivela

Juninho contesta novas normas anti-doping da França

O meia Juninho Pernambucano, capitão do Lyon, contestou a validade das novas normas apresentadas pela Agência Francesa de Combate ao Doping (AFLD) para controlar o uso de substâncias proibidas no futebol.

"Concordo com esse tipo de combate ao doping e digo isso com tranquilidade porque no Brasil dois ou três jogadores de cada equipe são controlados no final de cada encontro", observou.

"Mas, considerando que o futebol é um esporte de equipe, também estou chocado pelo fato que apenas os capitães são visados por essa operação", ressaltou Juninho ao L'Equipe.

Após decidir alterar o regulamento referente aos testes anti-doping na França, a AFLD enviou uma carta a todos os capitães do Campeonato Francês explicando seu projeto em detalhes.

Entre as novidades anunciadas, a AFLD afirmou que vai acompanhar individualmente cada capitão da 1º divisão francesa e que esses atletas terão a obrigação de indicar a própria localização.

"Além disso, esse controle se refere à França, mas não à Espanha, à Inglaterra ou à Alemanha. Isso também me impressiona um pouco", acrescentou o brasileiro.

O Lyon, que nos últimos sete anos dominou o Campeonato Francês, segue na liderança da competição, somando 49 pontos em 24 jogos. Na próxima terça-feira, dia 24, a equipe francesa enfrenta o Barcelona em jogo válido pelas oitavas-de-final da Liga dos Campeões.

FONTE: ANSA

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Barça perde Iniesta em confronto contra o Lyon

O médio Andrés Iniesta não vai poder ajudar o FC Barcelona na primeira mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League frente ao Olympique Lyonnais, em França, devido a ter tido um estiramento muscular na coxa esquerda durante o treino desta terça-feira.


Problema anterior
Iniesta, de 24 anos, realizou exames esta quarta-feira para avaliar o problema e os médicos do clube catalão estimam que o jogador poderá voltar a jogar dentro de cerca de 15 dias. O jogador da seleção já perdeu dois meses da presente temporada devido a uma rotura muscular na coxa direita contraída no decorrer do empate caseiro ante o FC Basel 1893, no início de Novembro. Desde que regressou dessa lesão, em Janeiro, Iniesta tornou-se o único elemento do plantel do Barça a participar nas 12 partidas efetuadas pela formação de Josep Gaurdiola na Liga espanhola em 2009. Iniesta deverá estar apto para a visita do Lyon ao Camp Nou, a 11 de Março.


FONTE: Uefa.com

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Em grande fase no Lyon, Ederson diz que Fred fará falta no grupo

Camisa sete do heptacampeão francês exalta qualidade do atacante, que deve ser anunciado pelo Fluminense nesta quinta-feira


Autor de três gols nas últimas quatro partidas do Lyon no Campeonato Francês, o meia Ederson está rindo à toa. A boa fase do jogador no heptacampeão vem rendendo comentários da imprensa do país e garantindo o time na ponta da competição – o Lyon tem 49 pontos e está quatro à frente do PSG, o segundo na classificação.

Ederson, que já se diz adaptado ao clube, onde trabalha com mais quatro brasileiros, disse, em entrevista por telefone ao GLOBOESPORTE.COM, que a ausência do atacante Fred fará falta à equipe. Para ele, a negociação com o Fluminense atrapalhou o ex-jogador do Cruzeiro.


- Ele é um grande jogador e vai fazer falta para o grupo. Tem grande presença de área, sempre está em forma e faz a diferença. Além disso, trazia muita alegria. Não sei ainda em que nível está a negociação, mas nos últimos meses essa transação o atrapalhou um pouco. Torço para que dê tudo certo – afirmou.


Nos últimos jogos, Ederson tem sido essencial para o Lyon conquistar as vitórias. No triunfo sobre o Nice, seu ex-clube, pela 23ª rodada do Campeonato Francês, o camisa sete deu duas assistências e ainda sofreu um pênalti. Feliz, ele comemora o bom momento.

- Está indo tudo muito bem. Desde o começo do ano, as coisas têm sorrido mais para mim. Tenho conseguido fazer gols e dar passes decisivos. Espero continuar assim e ajudar o Lyon a conquistar sucesso. Aqui, tenho a oportunidade de disputar competições europeias, que sempre foi meu sonho – disse.


Na vitória sobre o Le Havre, na última rodada, por 3 a 1, Ederson deixou um zagueiro adversário no chão e, na saída o goleiro Revault, fez a festa da torcida, após receber passe de Makoun. Na comemoração, o meia acenou com um coração, no estilo Alexandre Pato. Ele explicou o porquê do gesto.

- No sábado foi dia dos namorados aqui na Europa e minha mulher (Patrícia) estava assistindo ao jogo no estádio. Como eu a amo muito, fiz questão de homenageá-la dessa forma.


FONTE: Globoesporte.com

Zagueiro do Lyon: vítima de racismo na França

Alguns jogadores negros do Lyon sofreram insultos racistas durante a partida contra o Le Havre, neste domingo, pelo Campeonato Francês. O zagueiro Mensah foi atingido pelos xingamentos de torcedores rivais na vitória de 3 a 1 dos heptacampeões nacionais.


A polícia francesa, inclusive, prendeu um torcedor do Le Havre que estava proferindo insultos racistas aos atletas. O apoiador Keita e os atacantes Benezema (este por ter ascendência argelina) e Piquionne também sofreram com a postura de alguns fãs.


Segundo o técnico Claude Puel, o ganense Mensah foi o mais atingido, ficando estarrecido após a partida. Ele acabou sendo expulso aos 20 minutos da segunda etapa.


- John (Mensah) ficou chocado. Ele ouviu palavras escandalosas - disse.


O presidente Jean Michel Aulas também falou sobre a situação do jogador.


- Vimos que John estava psicologicamente abalado após sua expulsão. É por isso que me levantei e fui conversar com ele. Não foi em desrespeito ao Le Havre. Ele levou aquilo para campo e acabou se rebelando - afirmou.


O dirigente também afirmou que o Lyon deveria ter agido de forma mais enérgica quando os insultos começaram.


- Erramos em não passar o ocorrido aos delegados da partida, mas fizemos vários anúncios no estádio durante o jogo - explicou Aulas, que descreveu os insultos como "sons de macacos".


FONTE: O Globo

domingo, 15 de fevereiro de 2009

David x Golias

Filipe Frossard Papini

Lyon vence por 3x1 o lanterna da competição e se isola cada vez mais na liderança


Um duelo de extremos neste Domingo. O Le Havre amarga a lanterna da competição e ainda lamenta a posição de pior ataque do campeonato. Já o heptacampeão nacional é o líder isolado e possuí o melhor ataque.

O OL entrou no relvado jogando no seu tradicional 4-3-3. Na parte defensiva, a única alteração ficou concentrada no setor direito. Fábio Santos não jogou devido à uma lesão no músculo da coxa. Em seu lugar, Mensah, jogou novamente improvisado na posição. Lloris, Grosso, Cris e Boumsoung se mantiveram na equipe principal. No meio campo, Makoun e Toulalan novamente ficaram responsáveis pela contenção e Juninho Pernambucano na armação. Keita e Éderson entraram de "wingers", e Benzema foi o centroavante.

Como dono da casa, o Lyon se impôs em campo e começou pressionando e partiu pra cima já nos primeiros momentos da partida. Ora com Keita, ora com o brasileiro Éderson, sempre buscando o bom posicionamento do atacante Benzema. Prevendo esses tipos de jogadas, a defesa do Le Havre estava bem postada e Benzema sempre tinha alguém em sua cola e outro na sobra, dificultando assim, suas jogadas individuais.

O primeiro tempo ficou resumido neste tipo de jogada, além disso, o Le Havre tentava apenas alguns lançamentos de passes longos, mas nada que atrapalhasse a partida do goleiro Lloris.

Porém, aos 33', após uma jogada pela ponta direita, Keita passou para Benzema, que faz um corta-luz e enganou a defesa. Makoun disputou a bola na base da raça, que sobrou para Éderson, que driblou o zagueiro e chutou, sem chances para Revault.

No último lance do primeiro tempo, o lateral Alassane se embaraçou e perdeu a bola para Benzema, que com categoria, passou para Jean II Makoun. O camaronês lançou para área, o defensor do Le Havre escorou a bola errado, que sobrou para o marfinense Kader Keita aumentar o placar para dois tentos.


Etapa final da partida, o mesmo posicionamento se manteve, de ambas as equipes. O Lyon continuava pressionando e o Le Havre não esboçava nenhum tipo de reação. Benzema sempre sendo a referência e Keita desperdiçando algumas boas oportunidades. Éderson puxava boas jogadas de contra-ataque, enfim, o Lyon dominava completamente o jogo.

Aos 70' Mensah recebeu o seu segundo cartão amarelo e foi expulso da partida, depois de uma jogada completamente infantil e desnecessária. Källström que estava prestes a entrar foi contido pelo próprio Puel. O Sueco não gostou muito do cancelamento da substituição, e ficou de cara fechada no banco.

Três minutos após a expulsão do lateral-direito do OL, Juninho cobra falta na parte intermediário do campo do Le Havre, e coloca uma curva venenosíssima na bola, enganando completamente o goleiro Revault. Lyon 3x0.

Com folga no placar, Puel decidiu tirar o artilheiro Benzema e lançou o ponta-de-lança Piquionne. Com essa troca, o Lyonnais perdeu muito com o seu poderio ofensivo, e o Le Havre, aos 81', conseguiu chegar ao seu gol de honra. Nestor, aproveitou cruzamento na área e colocou no canto direito de Hugo Lloris.

Faltando dois minutos para o término da partida, Éderson e Keita deixaram o gramado para a entrada de Pjanic e Källström respectivamente. E um minuto depois o Sueco perdeu um gol cara-a-cara com o goleiro. Chegou a arrematar três vezes a queima roupa de Revault, mas não foi concluído em gol.

Por fim, desta vez, ao contrário da história bíblica, Golias venceu David e com folga.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

24ª Rodada - Lyon x Le Havre


Invicto em 2009, o líder Lyon tem uma missão tranquila pela 24ª rodada do Campeonato Francês. O atual heptacampeão nacional recebe o lanterna Le Havre, no domingo, no estádio Gerland. O último revés do Lyon aconteceu no dia 6 de dezembro, quando perdeu por 2 a 1 para o Nantes. Já são oitos jogos sem derrotas – incluindo dois duelos pela Copa da França.


- O Le Havre fez uma grande campanha na Segunda Divisão da temporada passada, foi campeão e subiu com méritos. Apesar de não estarem bem no campeonato (20° colocado, com 15 pontos), não podemos vacilar e menosprezar o time deles. Atenção total é o nosso pensamento para a partida. O nosso treinador (Claude Puel) já nos alertou sobre algumas jogadas perigosas que a equipe deles poderá realizar para tentar nos surpreender – observou o brasileiro Éderson, por intermédio de sua assessoria de imprensa.


O Bordeaux, vice-líder com 42 pontos – quatro a menos do que o Lyon -, abre a rodada no sábado contra o Grenoble. No mesmo dia, o PSG, que está em terceiro com os mesmos 42 pontos, encara o Saint-Etienne no Parque dos Príncipes.

FONTE: Globoesporte.com
FOTO: BrasiLyonnais
_______
OBS: O jogo terá transmissão do SporTV2, ao vivo, domingo às 13hrs

Fábio Santos desfalca Lyon por cerca de dez dias

Fábio Santos desfalcará o Lyon por aproximadamente dez dias. O volante sofreu uma lesão muscular na coxa direita durante o treino realizado pelo clube nesta quinta-feira.

“Se tudo der certo, esperamos recuperá-lo dentro de dez dias”, afirmou o treinador Claude Puel. Caso a previsão dele esteja certa, o brasileiro teria condições de voltar aos gramados a tempo do primeiro duelo contra o Barcelona, pelas oitavas-de-final da Liga dos Campeões.


Fábio Santos vinha jogando de forma improvisada na lateral-direita. Para o confronto deste domingo contra o Le Havre, pela Ligue 1, Puel deve escalar John Mensah em seu lugar.


FONTE: Trivela

Fred: 'Vou para o Fluminense'

Atacante revela, depois de treino com os reservas do Lyon, fim do seu ciclo no clube francês e o acerto com o Tricolor. Ele pode chegar neste sábado


Tudo levava a crer que o capítulo desta sexta-feira da novela Fred havia acabado, uma vez que o coordenador de futebol do Fluminense, Alexandre Faria, levara pelo terceiro dia consecutivo um bolo do presidente do Lyon, Jean-Michel Aulas. Mas o dirigente tricolor, que está na França, não contava que o próprio atacante revelasse que o seu destino é mesmo as Laranjeiras. Logo depois de treinar com a equipe reserva, Fred foi direto e objetivo.

- Estou encerrando meu contrato (com o Lyon) na noite (desta sexta-feira) ou, no máximo, pela manhã (de sábado), e aí vou para o Fluminense - garantiu o o jogador à agência de notícias AP.

O desejo do atacante é embarcar para o Brasil logo após a rescisão com o clube francês, chegando ainda neste sábado para acertar seu vínculo com o Tricolor. O contrato seria de cinco anos, mas com uma cláusula que permitirá a sua saída se houver uma proposta do exterior.


FONTE: Globoesporte.com

Fábio Santos sente dores na coxa e preocupa Lyon

Fábio Santos se tornou motivo de preocupação no Lyon. O volante não completou o treino realizado pela equipe nesta quinta-feira e deixou o gramado mancando, com fortes dores na coxa direita.


O brasileiro será submetido a exames mais detalhados nesta sexta-feira para determinar a gravidade do problema. Ele corre o risco de desfalcar o OL na partida deste domingo contra o Le Havre pela Ligue 1.


Nos últimos quatro jogos dos lioneses, Fábio Santos atuou improvisado na lateral-direita. Ele já havia desfalcado o Lyon por algumas semanas no começo da temporada devido a uma outra contusão.


FONTE: Trivela

Presidente do Lyon dá outro ‘bolo’em coordenador de futebol do Fluminense

Jean-Michel Aulas não aparece, e situação de Fred segue sem definição


A novela da transferência de Fred do Lyon para o Fluminense virou filme de suspense. O coordenador de futebol tricolor, Alexandre Faria, e o irmão e empresário do atacante, Rodrigo Chaves, ficaram mais uma vez a ver navios. Na quarta, a reunião com o presidente do clube francês, Jean-Michel Aulas, não aconteceu porque o dirigente foi assistir ao amistoso em que a Argentina venceu a França por 2 a 0, em Marselha. Ficou combinado um outro encontro para esta quinta. Só que, mais uma vez, nada aconteceu.

- O presidente do Lyon, Jean-Michel Aulas, não vem demonstrando muito comprometimento em resolver a situação do Fred. Ontem (quarta), ficou combinado que o diretor-geral do clube, Marino Faccioli, iria passar o acordo verbalizado entre ele, o coordenador de futebol do Fluminense, Alexandre Faria, e o irmão e empresário do atacante, Rodrigo Chaves, ao mandatário do clube francês. Mas, nesta quinta, não houve sequer um contato do Aulas com Alexandre e Rodrigo. Ambos continuam aguardando para tentar a liberação do jogador. Apesar de todo o empenho do Fred e do dirigente tricolor, a situação continua indefinida - revelou Francis Melo, assessor de imprensa do artilheiro.


FONTE: Globoesporte.com

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Ederson comemora boa fase no Lyon

Camisa sete do líder francês tem 57% de aproveitamento ofensivo


O meia brasileiro Ederson, do Lyon, está de bem com a vida. Dono da camisa sete e do meio-campo do líder do Campeonato Francês, ele vem mostrando suas qualidades em um bom início de ano. Em quatro partidas que o meia esteve em campo, o Lyon fez sete gols e Ederson foi o responsável direto por quatro deles. Com um aproveitamento de 57% do desempenho ofensivo da equipe, o brasileiro é o líder de assistências do time na competição, com com três passes para gol.

- Graças a Deus tenho realizado bons jogos, mas o meu desempenho individual é sempre visando a parte coletiva. Estou muito feliz no clube e muito empolgado para essa reta final de temporada. Vou continuar me esforçando ao máximo para continuarmos na busca pelo oitavo título. Além disso, em breve teremos o confronto com o Barcelona (dia 24/02), pela Liga dos Campeões, e queremos repetir os bons desempenhos das últimas partidas nesse grande jogo – afirmou, confiante, por intermédio da sua assessoria de imprensa.

Na última partida da equipe, quando o time venceu o Nice por 3 a 1, Ederson deu duas assistências e ainda sofreu um pênalti. O início deste ano tem sido espetacular para o camisa 7. O jogador só não atuou em duas partidas, contra o Concarneau e o Marselha, ambas pela Copa da França. O atleta estava com uma forte gripe.


FONTE: Globoesporte.com

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Flu fecha acordo com Fred, mas reunião com presidente do Lyon fica para amanhã

Alexandre Faria se encontraria nesta terça com Jean-Michel Aulas, mas o francês está na Suíça. Conversa para a liberação do atacante é adiada


O coordenador de futebol do Fluminense, Alexandre Faria, está na França para tentar a liberação do atacante Fred, do Lyon. O dirigente tricolor se encontraria com o presidente do clube francês, Jean-Michel Aulas, nesta terça para tentar fechar a negociação. No entanto, Aulas está na Suíça a negócios e a reunião ficou mesmo para esta quarta-feira.


Apesar de ainda não ter conseguido conversar com o Lyon sobre a liberação do jogador brasileiro, Alexandre Faria garante que o acordo entre o clube das Laranjeiras e Fred já está fechado.


- Os últimos detalhes foram sacramentados hoje (terça) após um encontro que tive com o Fred e o seu procurador aqui em Lyon. Agora só falta mesmo a liberação do clube francês, que poderá acontecer após a reunião de amanhã (quarta) com o presidente do Lyon - explicou Alexandre Faria, ao site oficial do Fluminense.


FONTE: GloboEsporte.com


domingo, 8 de fevereiro de 2009

Tarde de Lyon... Tarde de Makoun

Filipe Frossard Papini

Lyon entrou com um posicionamento bem ofensivo. Com a ausência do lateral Fábio Grosso, Kallstrom foi o escolhido para substituí-lo, conseqüentemente, com essa troca, o time fica mais avançadoo. Makoun, que desta vez começou jogando, estava com muita liberdade para subir ao ataque - formado hoje por Keita e Benzema. O meio ficou bem compacto, na frente, Éderson e Juninho colocam boa técnica e passes precisos aos avançados. Na contenção, o já citado, Makoun e o experiente Toulalan, sempre firme. No setor defensivo do time, não há novidades com relação ao último jogo, com exceção da ausência do Grosso, no entanto a lateral-direita segue com F. Santos e a zaga com Cris e Boumsong.

O OL na primeira etapa aplicou uma pressão sem tamanho aos donos da casa. Logo aos 17’, depois de boa jogada de Keita e Éderson pela ponta direta, Makoun recebe a bola dentro da pequena área e só teve o trabalho de empurrar para o gol. Lyon um a zero.

A pressão continuou intensa, os visitantes jogavam praticamente no campo adversário, e como já dizia o ditado: “Água mole, pedra dura, tanto bate, até que fura”. Dez minutos depois do primeiro gol, novamente o Lyon deixa a sua marca. Uma jogada individual de Benzema, que tabelou com o brasileiro Éderson, e o próprio Benzema colocou com capricho, encobrindo o bom goleiro Ospina.

Logo após o segundo gol, o OL deu uma pisada no freio e começou a cadenciar um pouco a partida. O Nice não deixou barato e partiu para cima dos heptacampeões franceses, e de fato, conseguiram diminuir o placar. Aos 46’, o zagueirão Apam, completou de cabeça um bom cruzamento de canto.

Na segunda etapa era explícita a vontade dos donos da casa em reverter o placar. Voltaram do vestiário com extrema vontade, e assim começou a tomar as rédeas do jogo. Porém a pressão dos Águias recebeu um balde de água fria, com 15’ de segundo tempo, Sable cometeu uma falta duríssima sobre Éderson e foi para o vestiário mais cedo.

Aos 73’, Juninho dá lugar ao defensor Mensah. E no mesmo minuto, depois de uma tabela entre Kallstrom e Éderson, o brasileiro sofre pênalti claro. Benzema cobrou a meia-altura, sem força, e o Colombiano Ospina defende a cobrança do artilheiro do OL.

Falta para o Lyon, Kallstrom cobra forte, Benzema escora pra dentro da área, e Jean Makoun marca mais um gol na partida, aos 79', colocando os visitantes com dois gols de vantagem. Desta vez, o goleiro Ospina falhou no lance.

Com dez minutos restantes, o Nice fica com dois a menos. O brasileiro, Adeílson (ex-Ipatinga), maldosamente atinge o rosto do defensor Boumsong e o estreante também vai para o chuveiro com antecedência.

Claude Puel, faltando poucos minutos para o fim da partida, tirou o “caçado” Éderson e o contestado Keita, e colocou o jovem Mounier e o estreante Yannis Tafer. Mas não houve tempo para os garotos mostrarem trabalho. Fim de jogo, boa vitória do Lyon fora de casa. Próximo confronto: Lyon x Le Havre, dia 15/02.

GOLS:

sábado, 7 de fevereiro de 2009

23ª Rodada - Nice x Lyon

Lyon e Bordeaux, perseguidos de perto por cinco times, continuam a briga particular pela liderança do Campeonato Francês neste fim de semana, quando será disputada a 23ª rodada da competição. A equipe do brasileiro Éderson vai encarar o Nice, fora de casa, no domingo. No mesmo dia, o Bordeaux disputará o clássico da rodada contra o Olympique de Marselha. No sábado, destaque para o encontro entre o PSG, terceiro colocado, e o Nantes, 11º lugar.

O Lyon lidera a Ligue 1 com 43 pontos ganhos, um a mais do que o Bordeaux. PSG, também com 42, vem na terceira posição, seguido de perto por Toulouse, Rennes e Olympique de Marselha, com 41, 39 e 38 pontos respectivamente.

Éderson está animado com a boa fase. O brasileiro elogia a capacidade do time.

- Cheguei nessa temporada e vim com o pensamento de vencer a Liga Francesa. Esse campeonato tem sido o mais acirrado dos últimos anos. Penso que a disputa intensa pela ponta pode fazer com que cresçamos nessa reta final. Há várias equipes que estão bem na competição, mas o Lyon, nas últimas temporadas, tem decidido o título nos momentos certos. O clube já está acostumado a sustentar o topo da tabela - disse, para depois falar sobre a sua adaptação.

- Estou muito bem adaptado, porque os brasileiros do time (Fred, Juninho Pernambucano, Cris e Fábio Santos) sempre me trataram bem e fizeram com que me sentisse em casa - explicou, por intermédio da sua assessoria de imprensa.

FONTE: Globoesporte.com

PS: O Jogo será transmitido AO VIVO pelo SporTV

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Futuro de Benzema no Lyon depende de desempenho do time

Com 20 anos, o atacante Karim Benzema vem jogando bem no Lyon e atraindo o interesse de grandes clubes europeus como Barcelona, Manchester United e Milan. No entanto, o francês não quer definir seu futuro agora.


Se deixa do time de Juninho Pernambucano no meio do ano ou se fica para cumprir o contrato que vai até 2013, Benzema joga tudo na campanha do clube na Copa dos Campeões da Europa.


"Eu não tenho ideia (sobre o futuro). Mas eu acho que ficarei no Lyon. O que eu quero saber é como será o desempenho do time na Copa dos Campeões antes de eu tomar minha decisão de permanecer ou não", afirmou o jogador ao jornal francês Aujourd'hui Sport.


Mostrando-se ambicioso, Benzema quer sair da França para ser um dos melhores do mundo. Como seus objetivos são largos, o Lyon não cabe dentro dele.


"Você tem que sair da França para melhorar, que é a minha meta. O Lyon é um grande clube, mas não é o único. Ainda quero ganhar grandes títulos, uma Copa do Mundo, uma Eurocopa. Quero construir uma sala e troféus só para mim", revelou.


Para satisfazer o atacante, o Lyon terá uma difícil missão pela frente. Os franceses enfrentam o Barcelona nas oitavas-de-final da Copa dos Campeões do Europa.


FONTE: Abril

Zidane coloca Bordeaux como principal rival do Lyon ao título da temporada

Ex-jogador elogia equipe atual. Ele já atuou no time alvinegro de 92 a 96


Depois de aplicar um sonoro 3 a 0, em pleno Parc des Princes, e eliminar o Paris Saint-Germain da Copa da Liga Francesa, o Bordeaux recebeu elogios de um ilustre ex-jogador. Zinedine Zidane, que já atuou na equipe alvinegra entre os anos de 1992 e 1996, exaltou o bom momento do time.

Além de comparar com a equipe da sua época, que chegou a final da Copa da Uefa em 1996, “Zizou” colocou o Bordeaux como principal rival do Lyon na disputa pelo título francês da atual temporada.

- Se tem um time que pode causar preocupação ao Lyon, é o Bordeaux. Apesar do Lyon ainda estar um pouco à frente, o Bordeaux ainda pode ser campeão. Eles têm um bom time a jogam um bom futebol. Me lembra muito a equipe de 1996 – recordou em entrevista ao site “Ligue 1”.

Ex-companheiro do treinador Laurent Blanc, Zidane elogiou o trabalho do comandante do Bordeaux.

- Nós vimos um bom time na quarta-feira, em Paris. Eles defenderam bem e deu para ver que teve a mão do Laurent. Eu gostaria de ter jogado com ele sendo meu treinador – revelou.

Com relação a partida entre Bordeaux e Olimpique de Marseille, no próximo domingo, Zidane afirmou estar dividido. A partida acontece em Marseille, onde Zizou nasceu. Mesmo assim, ele confessa um carinho especial pelos donos da casa.

- Meu coração está sempre dividido em dois, mas se eu tiver que escolher um, escolheria o Olimpique, é claro – revelou o ex-jogador de 36 anos.


FONTE: Globoesporte.com

Fluminense: Acerto com Fred é questão de tempo

Representante do atacante confirma que negociação com o Tricolor está bem encaminhada e pode ser fechada em breve


Quem pensava que o namoro entre o atacante Fred e o Fluminense havia terminado, se enganou. Nesta sexta-feira, o representante do atacante confirmou que está tudo bem encaminhado para que a negociação seja fechada. Segundo Rodrigo Chaves, só falta a liberação do Lyon com o qual Fred tem contrato assinado até o meio deste ano.

- Realmente, as negociações com o Fluminense estão bastante adiantadas. Contudo, há pendências financeiras entre o Fred e o Lyon, como salários e premiações atrasados, que o clube não quer pagar. O presidente quer que ele abra mão do que tem direito a receber. E isso o Fred não fará. Ele já está abrindo mão do que tem para receber até o término do contrato. No entanto, resolvendo esse impasse, o Fred pegará um avião no dia seguinte para o Brasil e descerá direto nas Laranjeiras, se as negociações com o Fluminense forem totalmente acertadas, porque ainda faltam alguns detalhes - explicou o representante legal do atacante do Lyon, Rodrigo Chaves.


No Fluminense, o acerto com Fred é dado como certo, só dependendo do impasse com o clube francês.

- Para que o atleta assine este contrato e atue pela equipe tricolor, basta que o Lyon acerte suas pendências com Fred, e o atacante desembarcará nas Laranjeiras - disse Alexandre Faria, coordenador de futebol.


FONTE: Globo.com

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Afastado do grupo principal, Fred treina com time sub-18 do Lyon

Afastado do grupo principal do Lyon, o atacante Fred, ex-Cruzeiro, vem mantendo a forma junto com a equipe sub-18 do clube francês. A informação é do site oficial do Lyon. Por conta disso, dirigentes do atual heptacampeão nacional não descartam negociar o jogador com algum clube brasileiro. O mercado de transferências no Brasil fica aberto até 8 de abril.


- O negócio é possível, administrativamente falando. Já no âmbito esportivo, a decisão de reintegrá-lo ao elenco principal só depende do treinador Claude Puel - disse o diretor-geral do Lyon, Mariano Faccioli, em entrevista ao portal francês “Maxifoot”.

No mês passado, Palmeiras, Cruzeiro e Fluminense mostraram interesse na contratação de Fred, que tem compromisso com o Lyon até junho. O jogador, no entanto, praticamente descartou um retorno ao Brasil em entrevista ao programa Arena SporTV (confira no vídeo).



FONTE: Globoesporte.com

Abidal recomenda Benzema a não se mudar para o Barcelona

Caso o Barcelona concretize o interesse em Benzema, terá que contar com um entrave numa possível mudança do avançado para Espanha. Esse obstáculo é nem mais nem menos que Eric Abidal, defesa dos “blaugrana”, que aconselhou o jogador do Lyon a não assinar pelos catalães.

Na opinião do lateral, ”Benzema está a fazer uma boa época no Lyon. O que ele precisa é de jogar para ir melhorando e se assinar pelo Barça seria complicado. A concorrência é muito dura e isso poderia prejudicá-lo”.

O francês acrescentou que “se contratarem Benzema onde coloca-lo? No lugar de Eto’o? É o mesmo que sucede com Ribéry. O Barça quere-o, mas no seu lugar está Henry, e ele não irá sair do clube”.

Nas declarações ao jornal “Le Parisien”, Abidal assegurou que se a transferência se confirmar, não será envolvido no negócio: “Não sou um pedaço de carne nem uma moeda de troca. Se o Barça quer contratar Benzema não será comigo na operação”.

FONTE: O Jogo.pt

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Delgado se lesiona e desfalca o Lyon


O Lyon poderá não contar com o meia-atacante César Delgado para pelo menos uma das partidas da Liga dos Campeões contra o Barcelona depois que o jogador de 27 anos sofreu uma lesão na virilha no final de semana.


O argentino foi substituído pelo brasileiro Ederson aos 33 minutos da partida de domingo contra o Saint-Etienne, que terminou empatada em 1 a 1. O OL acredita que Delgado ficará fora por “três ou quatro semanas”, sendo uma dúvida para a disputa contra o Barça. A partida de ida será no estádio de Gerland dia 24 de fevereiro e a de volta na Espanha dia 11 de março.


O ex-jogador do Cruz Azul já atuou em duas Ligas dos Campeões na fase de grupos e marcou duas vezes em 12 jogos pela Ligue 1 nesta temporada.


FONTE: Trivela