sábado, 7 de março de 2009

Stade de France, o caldeirão a favor do LOSC!

Filipe Frossard Papini

Com uma torcida em êxtase, Lille consegue novamente vencer os heptacampeões, desta vez, por 2x0. Ligue1 cada vez mais emocionante!





Rodada valendo pela 27ª Rodada da Ligue 1. O Lyon entrando em campo eufórico, querendo vingar a desclassificação na Copa da França, partida que ocorreu na última quarta-feira. O Stade de France extremamente lotado, todos querendo ver a vitória do LOSC e assim, subir um degrau na colocação.

O time do Lyon entrou com novidades: Mathieu Bodmer, já conhecido por Claude Puel, voltou de lesão e já integra a equipe principal, formando dupla de zaga com Cris. No gol Lloris foi poupado para a entrada de Remy Vercountre. Outro que retornou no time, foi o lateral da seleção, François Clerc que provavelmente deverá ser o titular a partir de agora. O restante da equipe manteve-se: Grosso na esquerda, Toulalan e Makoun na contenção do meio campo, Delgado, Juninho e Keita de meias e Benzema jogando isolado na frente.

O começo da partida foi bastante agitada, o Lyon, agora com o time titular parecia impor uma pressão maior, sempre com jogadas em velocidades, principalmente com o argentino Delgado na esquerda. Juninho também chegava pelo meio, juntamente com as subidas de Makoun.

Aos 25' Juninho faz um sinal para o banco, aparentemente avisando uma lesão no atacante Benzema, preocupando os torcedores dos "Gones", mas não houve substituições até o primeiro tempo.

Enquanto o time do Lyon jogava em função do seu artilheiro, os "Dogues" pouco incomodavam, mas era um time aguerrido e com muita competência, segurava o empate no primeiro tempo, demonstrando ser uma equipe bem articulada, mas até então sem muitos destaque. As poucas chegadas dos Rubro-negros acontecia através de bolas paradas, sempre com o brasileiro Michel Bastos.

Já nos últimos cinco minutos da etapa inicial, quem pressionava era o Lille, marcando sob pressão a saída de bola do Lyon, porém a bola era pouco trabalhada e nada pôde preocupar a vida do goleiro Vercountre.

Na volta para o segundo tempo, o brasileiro Éderson já entrou em campo, no lugar do Benzema, com suspeita de lesão. E foi o Lille quem mostrou suas armas. Cabaye, com dois minutos do segundo tempo, colocou com categoria uma bola no travessão do OL.

A primeira grande chance do Lyon aconteceu aos 57', com um potente chute de fora da área de Éderson, causando trabalho ao goleiro Malicki.

Mas quem abriu o placar no Stade de France foi o Lille. O gigante Vittek, cabeceou dentro da área, sem chances para Vercountre, após um excepcional passe de Michel Bastos.

Puel, com 64' arrisca, tirando Juninho e colocando Yannis Tafer, uma promessa de 17 anos, que joga no ataque.

O Lyon criava boas jogadas, mas Keita não conseguia aproveitar as bolas. Ele aplicava boa velocidade, porém pouco controle de bola e com isso, chegou a perder boas oportunidades na frente. Tafer teve uma ótima chance para empatar a partida, mas o nervosíssimo falou mais alto, e na hora da conclusão, conseguiu "furar" a bola, bisonhamente.

Aos 78', Puel queima a terceira substituição, colocando o sueco Källström, no lugar do vaiado Keita. Em seguida, Éderson fez boa jogada na ponta-direita, pedalando dentro da área, mas Malicki fez boa defesa.

Faltando oito minutos para o término da partida, o outro brasileiro Cris fez falta dura no contra-ataque do LOSC, e recebeu o amarelo, criando uma boa oportunidade de bola parada para os donos da casa, porém desperdiçada por Bastos.

No finalzinho da partida, a pressão dos "Gones" era mais intensa, Éderson era o protagonista das principais jogadas, e Malicki fazendo sempre boas defesas, salvando os rubro-negros.

Mas o Lille ainda estava acordado, e depois de um chutão de Malicki, ele encontrou Michel Bastos praticamente dentro da área do Lyon, e com categoria, o brasileiro - melhor em campo - no meio de três defensores dos visitantes, conseguiu tirar Vercountre da jogada e ampliando assim o resultado para 2x0, aos 43' do segundo tempo.

E não houve tempo para o Lyon tentar o seu gol de honra. A partida foi finalizada com o placar de 2x0 para o Lille. Agora, o OL está a apenas UM ponto de diferença do vice-colocado PSG, enquanto o LOSC está em 6º. Próxima partida do Lyonnais é dia 11 de Março, contra o Barcelona, jogo que decide uma vaga para as quartas de finais da Champions League.

2 comentários:

  1. Bela vitória do Lille heim. O Campeonato Francês está disputado.

    ResponderExcluir
  2. Uma pena! Não vejo graça no Lile! Abs, PP

    ResponderExcluir